segunda-feira, 11 de abril de 2011

Plano de aula - Há muitas moradas na casa do Pai





·        Data:                         20/03/2011

·        Turma:                      1º. Ciclo       

·        Evangelizadores:        Monica / Sandra

·        Assunto:                    Há muitas moradas na casa do Pai

·        Objetivo:                   A criança deverá identificar na pluralidade e diversidade  
                                               dos mundos existentes recursos do Amor e  Sabedoria de
                                               Deus com vistas à progressão dos Espíritos  


·        Motivação Inicial:      O Evangelizador escreverá em letras grandes no quadro ou
                                               em tiras de papel a seguinte frase: “Há muitas moradas na
                                                casa de meu Pai”. Em seguida perguntará às crianças
                                               como interpretar as palavras de Jesus: “Muitas moradas”,
                                               “Casa de meu Pai”.    

Desenvolvimento:           O Evangelizador levará a criança a relembrar as lições de Geografia que certamente já teve na escola, procurando chamar a atenção para a imensidade do espaço sideral, as distâncias astronômicas e a quantidade imensa de astros entre os quais a Terra não se destaca nem pelo seu volume, nem pela sua beleza ou constituição física.
Só para termos uma pequena idéia da grandiosidade do Universo criado por Deus: a ciência astronômica nos informa que, numa noite clara, podemos ver, a olho nu, cerca de 5.000 estrelas; se utilizarmos um grande telescópio, poderá ser observada a luz de bilhões de estrelas. Entretanto, diz ainda a Ciência, que isto que é observado por telescópio não passa de uma pequena gota num oceano. Daí, só palidamente podemos entender a grandeza da obra divina, com bilhões de mundos espalhados pelo espaço universal.
Outra observação científica: uma galáxia é um conjunto de estrelas, nebulosas e aglomerados estelares;.Somente em nossa galáxia – a Via Láctea (assim denominada porque parece um caminho leitoso) – , onde se encontra o nosso Sistema Solar, calcula-se que existam mais de 100 bilhões de estrelas!
Sendo assim, um astro de pequeno tamanho na imensidade do Cosmo, porque teria a Terra o privilégio de ser o único astro habitado? Não seria mais lógico admitir que todos eles são moradas de Espíritos em diferentes graus de evolução e que, se não temos conhecimento sobre a vida em outros mundos, isto se deve ao fato de não ter, ainda, a
Ciência conseguido comprovar esta realidade?
Entre nós, o desenvolvimento da criança e do adolescente se processa ajudado por escolas diferentes: a pré-escola, o 1º grau, o 2º grau e as faculdades, cada uma delas dotada de condições específicas para atender aos alunos em determinada faixa de evolução. Da mesma forma, para atender ao desenvolvimento de Espíritos diferentes, existem diferentes categorias de mundos, assim:
a) MUNDOS PRIMITIVOS: são mundos recém-formados, onde aparece a vida nos seus estágios iniciais.
A Terra já foi um mundo primitivo. São mundos destinados às primeiras encarnações da alma humana;
b) MUNDOS DE PROVAS E EXPIAÇÕES: nestes mundos dominam as paixões ainda incontidas: a avareza e a violência gerando as guerras; o egoísmo gerando as injustiças sociais, etc., ou seja, o mal predomina sobre o bem. A Terra está, atualmente, nesta categoria.

c) 
MUNDOS DE REGENERAÇÃO: Onde as almas ainda tem o que expiar e haurem novas forças, repousando das fadigas da luta:

d)
 MUNDOS FELIZES/DITOSOS: Onde o bem se sobrepõe ao mal;
e) MUNDOS CELESTES OU DIVINOS: Morada dos Espíritos depurados, onde o bem reina inteiramente.
Toda a explicação será feita com transparências para a melhor visualização, compreensãoe até mesmo fixação do conteúdo.
·        Fixação: As crianças receberão um circulo de papel cartão azul escuro para
confeccionarem seu próprio Sistema Solar com Gliter, estrelinhas e massinha de modelar. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário